Perfil

Mulheres de Camaçari: Sinara Goulart -inspiração de força e coragem

10/07/2020

Ser feliz é para quem tem coragem. Essa frase é de Dona Canô, mas define perfeitamente Sinara Goulart, 47 anos, que é uma das mulheres mais fortes e corajosas que já conheci em toda a minha vida. Ela é empreendedora retada, mãe coruja, filha dedicada, esposa companheira, amiga para todas as horas e inspiração para tantas mulheres que almejam o autoconhecimento, que desejam viver intensamente sua própria história.

Gostaria que a introdução desse texto fosse a narração de uma tarde maravilhosa que passei na companhia de Si, como carinhosamente a chamo, tomando um chá e ouvindo atentamente sobre sua vivência. Contudo, e, devido ao momento pandêmico que estamos passando, nossa conversa pelo WhatsApp me surpreendeu, e não seria diferente. Foi emocionante, segurei as lágrimas por alguns minutos, mas resolvi liberá-las, assim com fiz com as palavras que vos escrevo.

Diagnóstico

Trocando em miúdos, foi uma conversa de empoderamento, reconstrução e gratidão, principalmente em saber que o diagnóstico de câncer de mama, descoberto no ano passado, permitiu o renascimento de uma nova Sinara, mais acolhedora de si, que entendeu que nem tudo está sob nosso controle e que não precisamos nos exigir tanto. “Até antes do diagnóstico me definia como uma mulher corajosa, resiliente e forte, que nada poderia me derrubar. Depois, percebi que precisava me permitir ser frágil. E que fracassar também faz parte do processo de crescimento”, comenta Sinara.

Logo quando recebeu o exame atestando positivo para o cancêr, Sinara não negou o medo, mas compreendeu que seria uma batalha a ser vencida, que ressiginificaria sua trajetória, trazendo novas possibilidades, conexões, além de intensificar a valorização das coisas mais simples que o universo e Deus, em sua plenitude, são capazes de fazer. “Há várias fases desde quando recebi a notícia. Os primeiros sentimentos foram de medo, desespero e angústia, mas depois a gente vai entendendo, aceitando e aprendendo a se permitir curar. E começa pela mente, pela sua fé e a vontade de viver. Eu tenho certeza que eu desejo e estou curada”.

Apoio

Nessa batalha, Sinara se fez mais forte, pois contou com um exército de pessoas que persistiram e abraçaram o seu momento, que hoje são, por ela, carinhosamente chamados de “anjos humanos”. “Acho que Deus se manifesta através de todas essas pessoas. Quando eu achava que não iria conseguir, alguém me ligava, enviava direct, SMS e WhatsApp me dando um apoio através de palavras e orações. Isso me ajudou e me ajuda muito. Sou tão grata por ter tantas pessoas, inclusive que não conheço e que me acompanham nas redes sociais. São como anjos em forma de gente, anjos humanos”, destaca.

 

Sinara das bolsas

Para quem conheçe Sinara da Duda Sotera sabe que a empreendedora nem sempre contou com a loja física, na Estação Villas Shopping – Lauro de Freitas. Ela se descobriu comerciante muito cedo, ao lado da tia que, na época, era “sacoleira”. Sua visão empreendedora não se resume apenas a comercializar bolsas, acessórios e roupas femininas, mas, sim, trabalhar a autoestima das mulheres. (Um adendo: lembro que o primeiro contato que tive com Si foi numa compra de uma bolsa de franjinha. Me senti empoderada e arrassando).

“Eu saía com a minha tia para ajudar nas vendas. As clientes já gostavam de comprar em minha mão. Percebi o quanto gosto de estar com pessoas e oferecer produtos que as deixam felizes, então, nunca parei. Errei várias vezes, mas nunca desisti! Apenas recomeçava e tentava mais uma vez, de forma diferente”, conta.

Inspiração

Sobre ser inspiração para outras mulheres, Sinara afirma que não conhecia o potencial, ao mesmo tempo que percebe que motivar outras mulheres é algo que aconteceu de maneira natural, enquanto valorizava e admirava tantas outras do seu próprio convívio. “Tenho recebido manifestações sobre isso e confesso que fiquei surpresa! O que eu acho mesmo é que minhas clientes e amigas me inspiram e me motivam, porque em cada história e vivência feminina eu me vejo em alguns pontos. E sem perceber acabo valorizando nosso comportamento quanto mulheres! Isso acontece naturalmente e há uma troca de experiências e carinho espontaneamente” destaca.

Rumo à vitória

Dona de uma história que transmite força, fé e vitória, Sinara finaliza sua última sessão de quimioterapia, no próximo dia 17 de julho e  quer priorizar uma vida com hábitos mais saudáveis.

 “Eu vou precisar mudar meu estilo de vida. Estudos mostram que há reincidência de câncer, caso você não tenha hábitos saudáveis e práticas de exercicios físicos. Eu não quero que isso aconteça, portanto, daqui a 10, 20, 30 anos… quero estar saudável, me alimentando melhor, praticando exercícios e com a mente mais saudável também. Isso é prioridade para o resto todo acontecer”.

 

E vai acontecer, Si! Acreditamos na força das palavras e na transmissão positiva de pensamentos. Nesta caminhada, você não está só, nunca esteve. O Camaçari Mulher enaltece essa mulher que representa a força de muitas outras que estão passando por processos parecidos. E lembre-se: Não desista, outras mulheres se inspiram em você!

Comentários

comments

Você também pode gostar